Melhor regime tributário da sua clínica para o ano de 2020

As opções são SIMPLES NACIONAL e LUCRO PRESUMIDO, decisão a ser tomada junto do seu contador no mês de janeiro de 2020!
⠀⠀⠀
📈 SIMPLES NACIONAL:
⠀⠀⠀
• Simples Nacional, ANEXO III, mais benéfico para a clínica que tiver fator R = salário de 28%, com alíquota inicial de 6%.
• Simples Nacional, ANEXO V, sem fator R, alíquota inicial de 15,5%. Clínica com faturamento de até 30 mil reais, MELHOR o simples nacional, anexo V, mesmo não incidindo INSS patronal e ISS inclusos no DAS!
⠀⠀⠀
📊LUCRO PRESUMIDO:
⠀⠀⠀
• Lucro Presumido, a melhor opção para faturamento acima de 30 mil reais, principalmente se o ISS for recolhido como sociedade uniprofissional, alíquota de 2% ou 5%. A tributação federal é de 11,33%.
⠀⠀⠀
Importante anualmente rever a gestão da carga tributária, diminuindo o impacto desse custo no orçamento.
⠀⠀⠀
🏥 Quando a clínica é nova, os sócios devem prever suas expectativas futuras de previsão de faturamento, para um melhor enquadramento, que só poderá ser modificado em janeiro do ano seguinte.
⠀⠀⠀
O recolhimento dos tributos deverá ser feito pelo regime de caixa, evitando prejudicar o seu fluxo financeiro, pagando adiantado impostos que ainda não recebeu.
⠀⠀⠀
Serviços parcelados no cartão de crédito, a tributação não será pela nota fiscal, e sim, pelo recebimento de cada parcela. O mesmo se dá com a clínica prestadora de serviços a hospitais e convênios. O tributo deve ser pago, quando o prestador receber, evitando assim, adiantar os impostos e até sobre uma possível glosa.
⠀⠀⠀
🔸 O Grupo Asse anualmente faz a melhor escolha do regime tributário a ser adotado para seus clientes. Se desejar, você médico, faremos sem qualquer ônus, o estudo sobre a melhor opção de tributação para o ano de 2020.

Menu