Reunião urgente no SINMED – dia 15/12/2014, às 17hs – médicos perderam prazo da confissão da dívida, palestra sobre a sociedade uniprofissional e simples nacional.

REUNIÃO URGENTE NO SINMED – DIA 15/12/2014, ÀS 17HS – MÉDICOS PERDERAM PRAZO DA CONFISSÃO DA DÍVIDA, PALESTRA SOBRE A SOCIEDADE UNIPROFISSIONAL E SIMPLES NACIONAL.

O Grupo Asse em parceria com o SINMED, tem recebido ligações de  médicos que aderiram ao programa de confissão de dívida até o dia 10/10/2014, formalizado junto à Secretaria Municipal de Fazenda, tendo perdido o prazo de pagamento.  A dívida que era na proporção de 15%, á vista, ou 35% em 84 parcelas, passou ser de 100%, atualizado pela variação da UFIR, acrescido de multa penal de 60%.  Médico que nada devia, hoje está com um passivo tributário impagável.

Em nossas reuniões com o SINMED, levamos o assunto e imediatamente a diretoria do Sindicato dos Médicos, especialmente, os doutores Jorge Dazer e Rogério Barros, encaminharam ao vereador médico Carlos Eduardo, que se prontificou a participar da reunião que será realizada no dia 15/12/2014, às 17 horas.

Na ocasião, o Grupo Asse discorrerá sobre a nova legislação municipal Lei 5.739 de 16/5/2014 e IN 23 de 8/8/2014, que tratou de quem pode ou não ser enquadrado como sociedade uniprofissional, assim como a Lei Complementar 147/2014, que ampliou atividades do Simples Nacional, com vigência a partir de 2015.  Foi uma injustiça para os médicos!

Advogado, alíquota de 4,5% e médico alíquota de 16,93% chegando a 22,45%. O Sinmed não concorda com isto e na sua luta pela categoria e busca de isonomia, está se mobilizando junto a outras entidades representativas e deputados federais, com fim de se fazer uma frente parlamentar, para obtenção de uma alíquota justa para os médicos.

Não deixem de comparecer.  Informem ao seu sindicato, se tem conhecimento com deputado ou senador, fornecendo seu nome, telefone, para que juntos, participem da frente parlamentar junto ao legislativo, como fizeram os advogados.  Unam-se como fizeram nas eleições, pois a vitória será conseguida com a mobilização de todos.

Menu